Dicas de marketing para instituições de ensino

Especialista lista dicas de marketing para instituições de ensino. Conheça as novidades e aprimore os resultados

O desafio de proporcionar uma educação de qualidade transcende gerações e é uma preocupação não apenas das autoridades que administram o poder público, mas também de pais, professores e educadores. Devido a essa importância, existe hoje um mercado crescente que engloba diversas áreas da educação, e ele continua se desenvolvendo e expandindo.

Segundo a consultoria especializada Hoper, estima-se que o faturamento das mensalidades da educação básica tenha chegado a de R$ 60 bilhões durante o ano passado. Para aumentar ainda mais o faturamento no setor, muitas instituições de ensino apostam em diversas estratégias para conquistar e fidelizar o público, mas o ideal é estar atento às tendências e às dicas dos especialistas do segmento para alcançar os melhores resultados.

1) Conhecer o público-alvo

A primeira dica do marketing tradicional também se aplica quando o assunto é educação. De acordo com Marcos Paulo Matias, CEO da empresa ClipEscola , que desenvolve uma plataforma de comunicação para instituições de ensino, a definição do público-alvo deve ser a prioridade no Marketing Educacional.

“As instituições de ensino precisam saber com muita clareza qual é o perfil de aluno que elas desejam atrair e também quem são os pais desses alunos, nos casos de crianças e adolescentes”, explica. Somente a partir das delimitações desse perfil é que poderão ser traçadas as diretrizes de cada modelo de negócio e elaboradas as estratégias de marketing que terão o objetivo de atrair e conquistar o público especificado.

2) Saber quais são as demandas e estar preparado para atendê-las

Depois de definido o público-alvo, o próximo passo deve ser entender quais são as necessidades dele e planejar ações que tornem esse atendimento o diferencial da escola. 

“Alguns pais de alunos, por exemplo, estão dispostos a investir seus recursos em um projeto pedagógico inovador e diferente dos padrões já estabelecidos. Outros estão inclinados a seguir confiando em modelos mais tradicionais. Cabe à instituição a tarefa de adotar ferramentas de diálogo com esses pais para supri-los de maneira mais eficiente”, explica Matias.

ClipEscola , por exemplo, nasceu justamente com esse objetivo. Por meio do aplicativo é possível realizar tarefas como troca de mensagens entre pais e professores, envio de documentos, autorizações para passeios e atividades extracurriculares, captação de novos alunos e até mesmo o pagamento de taxas e da mensalidade escolar. Dessa forma, tarefas que demandavam mais tempo dos pais e recursos das escolas podem ser otimizadas e ambos os lados são beneficiados.

3) Usar a tecnologia a seu favor

O desenvolvimento de recursos tecnológicos, especialmente de funcionalidades do universo mobile, impressiona pela velocidade e pelo constante surgimento de ideias inovadoras. O uso de aplicativos e softwares configura-se como uma tendência extremamente favorável às estratégias de marketing de uma instituição de ensino, desde que seja feito de maneira planejada e responsável.

Embora já tenha a importância reconhecida em diversos segmentos do mercado e nas mais variadas áreas de atuação, a tecnologia bem empregada agrega ainda mais valor ao marketing de uma escola, porque demonstra ao público que os gestores permanecem atualizados com as novidades do setor da educação e comprometidos com a qualidade dos serviços que prestam.

4) Valorizar a atenção do público

Em um passado recente, a presença no mundo digital era bastante explorada pelo marketing porque ainda era considerada um diferencial. Hoje, com a facilidade de criação de um site, blog ou perfil em rede social, estar presente não é mais o suficiente. O grande segredo é encontrar um meio de atrair e manter a atenção do público-alvo.

“A atenção de um cliente vale ouro! Por meio do suporte constante que prestamos, temos a possibilidade não apenas de aprimorar o serviço que oferecemos, mas de tornar o cliente um defensor da nossa marca”, explica Matias.

 

 

Saiba mais

O uso de marketing digital para transformar curiosos que procuram a escola em clientes é uma estratégia extremamente eficaz. Em instituições de ensino, ela pode ser executada pela plataforma de comunicação ClipEscola, que possui diversas funcionalidades que visam esse objetivo. 

Pela plataforma, por exemplo, é possível criar um relacionamento com o público-alvo, nutrindo-o com materiais sobre a escola, fotos do dia a dia, recadinhos e comunicados personalizados. Ela permite também o envio de convites para eventos escolares a esse público. Os eventos ficam sincronizados com a agenda do celular e notificam-no da proximidade da data. Assim, é possível cultivar o interesse de curiosos que procuram a escola, trazendo-os para perto até que se tornem clientes. Para conhecer a ferramenta ClipEscola, clique aqui .

Redação Paraná em Fotos

Portal Paraná em Fotos

Shares