Foz é a terceira cidade brasileira com mais eventos internacionais

Foz do Iguaçu subiu uma posição e agora ocupa o 3º lugar no ranking anual da ICCA (International Congress and Convention Association, em português, Associação Internacional de Congressos e Convenções) de cidades brasileiras que mais recebem eventos internacionais. No levantamento, com base nos eventos sediados em 2017, o Destino Iguaçu ficou atrás somente de São Paulo e Rio de Janeiro.

Desta vez, Foz ficou à frente de Brasília que em 2016 apareceu na terceira colocação e agora passou para a quarta posição. Em 2017, a cidade paranaense melhorou seu desempenho e a situação se inverteu. “Esse resultado é, em boa parte, consequência do trabalho de pesquisa e prospecções que vem sendo realizado pelo Visit Iguassu em parceria com associações, universidades e entidades para captações de novos eventos”, comemora o gerente de eventos da
entidade, Alexandre Jung.

A ICCA classifica os eventos internacionais que sejam itinerantes, acima de três edições e com o mínimo 50 participantes. Outro critério é que o evento precisa ter perfil associativo, isto é, realizado por uma entidade. No ano passado, Foz recebeu 15 eventos nos padrões estabelecidos pela ICCA.
Entre eles o 27º Encontro da América Latina e Caribe de Registro de Endereços de Internet (LACNIC); a 9ª World Conference on Experimental Heat Transfer, Fluid Mechanics and Thermodynamics; a 14ª Conferência Latinoamericana de Rotaract Club´s; o 12º Safepork; 7th World Conference on Ecological Restoration e o XIII International Meeting on Paracoccidioidomycosis que foram captados com o apoio do Visit Iguassu.

Segundo Jung, somente esses 15 eventos internacionais trouxeram 25 mil pessoas e tiveram um impacto econômico de cerca de R$ 10 milhões. “Esse número comprova que Foz do Iguaçu tem vocação e estrutura para receber congressos, simpósios, encontros e conferências das mais diversas áreas”.

Ainda de acordo com o ranking da ICCA, o Brasil agora ocupa o primeiro lugar entre os países da América Latina. Em 2017, o país recebeu 237 eventos; em segundo lugar está a Argentina com 199 eventos realizados; e em terceiro lugar aparece o México, que recebeu 198 eventos.

Divulgação

 

 

 

Redação Paraná em Fotos

Portal Paraná em Fotos

Shares